LinkedIn Facebook Instagram Twitter Youtube

Patrocinadores

  • OWA Brasil

Afiliações

  • ProAcústica - Afiliado ABNT
  • ProAcústica - Afiliado FIA - Federação Iberoamericana de Acústica
  • IIAV - International Institute of Acoustics and Vibration
  • I-INCE International Institute of Noise Control Engineering

INAD 2020 - Venha fazer parte desta onda!
Torne-se uma empresa associada!
Lançamento Manual ProAcústica de Acústica Básica
Documentário Amorim Lima
Vídeo Insitucional ProAcústica

Prefeitura regulamenta a elaboração do Mapa do Ruído Urbano da Cidade de São Paulo

07/05/2019 - 14:55

Título | Prefeitura regulamenta a elaboração do Mapa do Ruído Urbano da Cidade de São Paulo
Fonte | Portal Gestão Urbana SP de 06/05/2019
Autoria | Portal Gestão Urbana
Conteúdo online | Acesse aqui

Mapeamento vai possibilitar que o Município tenha um diagnóstico de ruído territorializado e orientar a adoção de políticas públicas que melhorem a qualidade ambiental e urbanística da cidade

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU), regulamentou na última sexta-feira, dia 3, a elaboração do Mapa do Ruído Urbano do Município, ação inédita na capital paulista. A construção de um Mapa de Ruído vai possibilitar que o Município tenha um diagnóstico de ruído territorializado, além de orientar a adoção de políticas públicas que melhorem a qualidade ambiental e urbanística da cidade.

A produção do mapa foi instituída como obrigatória em 2016 pela Lei 16.499 do Executivo e deve ser realizada por região. As áreas prioritárias serão definidas por um Grupo Gestor intersecretarial, sob coordenação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, composto pelas secretarias municipais de Mobilidade e Transportes (SMT), Verde e Meio Ambiente (SVMA), Subprefeituras (SMSUB) e Inovação e Tecnologia (SMIT).

Finalizados, os Mapas do Ruído Urbano devem ser disponibilizados no portal GeoSampa, mapa digital da cidade que reúne centenas de informações institucionais. O Município tem o prazo de até sete anos para concluí-los.

O mapeamento de ruídos é importante para que sejam realizados estudos sobre as intervenções urbanas necessárias para o melhoramento da qualidade de vida das pessoas das regiões mais afetadas pelo alto nível de decibéis. Cidades como Santiago e Medelín são as cidades da América do Sul com o Mapa de Ruído implantado e em funcionamento. Outras cidades como Bogotá e Quito já estão em fase avançada de estudos para implantação. Em São Paulo não há nenhum estudo formal sobre a contaminação sonora.

Ruído no Minhocão

Em 24 de abril, a Associação Brasileira para a Qualidade Acústica (ProAcústica), em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento (SMDU), divulgou um estudo mostrando que os ruídos urbanos no entorno do Minhocão podem ser reduzidos pela metade com a implantação do Parque.

Com o viaduto atualmente em operação, os níveis sonoros nos empreendimentos estão entre 69 e 76 decibéis. Ao ser interditado ao tráfego – apenas com o fluxo existente na Rua Amaral Gurgel – estima-se que os índices ficarão entre 59 e 70 decibéis.

A divulgação ocorreu na data em que se comemora o Dia Internacional de Conscientização sobre o Ruído, criada em 1996 com o objetivo de aumentar a conscientização sobre o ruído urbano, fruto do crescimento urbano desordenado e considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como o segundo maior agente poluidor de qualquer cidade. Além do desconforto e estresse, estudos revelam que a exposição ao ruído pode causar e/ou potencializar doenças como infarto, diabetes e pressão alta ao longo do tempo.

Consulte as publicações no Diário Oficial

Decreto n° 58.737, de 2 de maio de 2019

Lei nº 16.499, de 20 de julho de 2016

Veja também

Ruído do trânsito é o maior vilão do barulho em SP

Ruído do trânsito é o maior vilão do barulho em SP

A cidade de São Paulo é a quarta no ranking mundial do barulho. O maior vilão desta estatística é o ruído causado pelo trânsito paulistano

#SonsQueAmo: Os sons entre corações e mentes

#SonsQueAmo: Os sons entre corações e mentes

ProAcústica lança campanha #SonsQueAmo como forma de expressão e liberdade frente à imobilidade e ao silêncio dos tempos atuais. Uma ação do Dia Internacional da Conscientização sobre o Ruído é parte do calendário oficial do Ano Internacional do Som 2020.

ProAcústica lança guia de boa convivência sonora para vizinhos na pandemia

ProAcústica lança guia de boa convivência sonora para vizinhos na pandemia

A ação é parte da campanha #sonsqueamo e integra o calendário oficial do Ano Internacional do Som 2020/21

Notícias

O Ano Internacional do Som e o Conforto Acústico

Entrevista com Luciano Nakad Marcolino, presidente executivo da Associação Brasileira para a Qualidade Acústica - ProAcústica, na edição da Revista Contramarco de março-abril 2020


O silêncio da quarentena em todo o mundo está ajudando cientistas e sismólogos a captar os sons da Terra

O mundo inteiro está em silêncio. Este é um grande presente para cientistas e sismólogos, que estão ouvindo os sons da Terra como nunca antes


Agenda