Patrocinadores

  • AtenuaSom
  • OWA Brasil
Vídeo Insitucional ProAcústica
Assista ao documentário do INAD SP 2017
Torne-se uma empresa associada!
Documentário Amorim Lima

Afiliações

  • ProAcústica - Afiliado ABNT
  • ProAcústica - Afiliado FIA - Federação Iberoamericana de Acústica
  • IIAV - International Institute of Acoustics and Vibration
  • I-INCE International Institute of Noise Control Engineering

ProAcústica comemora crescimento de estandes na Ilha da Feicon Batimat 2018

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

O que existe de mais avançado em inovações tecnológicas para soluções acústicas e de diminuição da vibração na indústria nacional e internacional, foi apresentado na Ilha ProAcústica, num total de 18 expositores que ocuparam 340 m2 do pavilhão.

Marcada pelo retorno da confiança ao setor da construção civil, a Feicon Batimat 2018 abriu as portas com otimismo. Semanas antes da abertura da feira, no São Paulo Expo, um índice que mede a confiabilidade dos empresários do setor apontou um número acima de 50, indicador que demonstra como pode ser o clima para os negócios nos próximos seis meses: temperatura amena, poucas nuvens, sem chance de chuva. Nesse ambiente, a Ilha ProAcústica na Feicon mostrou as inovações tecnológicas, aquilo que existe de mais avançado na indústria de produtos e soluções acústicas e de diminuição da vibração. Mas, para o presidente da ProAcústica, Edison Claro de Moraes, a feira trouxe mais. “A ilha se transformou num ícone, na menina dos olhos para a Feicon”, revelou.

 

O espaço, sob a curadoria da ProAcústica, possibilitou aos visitantes entrar em contato com produtos, programas ou soluções para ambientes da construção civil, arquitetura, da indústria, em projetos de infraestrutura e no setor de acústica ambiental. Ao todo 18 expositores ocuparam 340 m2 da ilha. No ano passado foram 12 em 240 metros quadrados. De acordo com o presidente da associação, “a ilha atrai um público diferente que, às vezes, se surpreende com as inovações tecnológicas e de sustentabilidade. Nem sempre o preço ou a falta de preparo emperram o setor acústico. Na maior parte das situações o que atrapalha é o desconhecimento. E é contra esse desconhecimento que a ilha trabalha”. Com o evento, a entidade atraiu cinco empresas interessadas em se tornarem sócias.

A temperatura de bonança se fez sentir em vários estandes da ilha e o discurso se repetia. “Posso salientar que a aplicação dos nossos produtos vem crescendo para as mais diversas situações que envolvam tratamento térmico e acústico. A experiência de participar da Feicon dentro da Ilha ProAcústica foi de grande valia porque tivemos muitos contatos de empresas e profissionais interessados em nos conhecer melhor”, assegurou João Adriano Filho, gerente comercial Ecofiber (Altenburg). Os visitantes querem sentir as opções de texturas, as gramaturas dos insumos, linhas de acessórios e as possibilidades estéticas.

Além da ilha, as atrações do setor acústico se espalharam pela Feicon. O canteiro de obras modelo sustentável, um grande sucesso nas edições anteriores da Feicon Batimat, ocupou mais de 800 metros quadrados. Para Nicole Fischer, da Atenua Som - que participou do canteiro com a sala de uma casa -, “o estande trouxe visibilidade à empresa”. O canteiro foi idealizado pela revista Green Building e pelo Centro de Tecnologia de Edificações com projeto do escritório de arquitetura Gaaz.

Outra atividade incluída nesta edição da feira foi a Rota da Sustentabilidade, composta por um circuito de estandes que exibiram produtos e soluções avaliados em três categorias: fabricação, obra e produto aplicado. De acordo com Luiz Henrique Ferreira, diretor da Inovatech Engenharia consultoria em sustentabilidade para a construção civil , “a rota pretende se transformar numa referência para ajudar expositores, varejistas, construtores e arquitetos a mensurarem a sustentabilidade de maneira tangível para os clientes”. A Rota da Sustentabilidade é uma realização da Reed Exhibitions Alcantara Machado e da Inovatech com apoio da Fundação Vanzolini.

Três empresas da Ilha ProAcústica fizeram parte da rota: a Ecofiber, cujo isolamento termoacústico em lã de PET utiliza 30% de matéria-prima reciclada na fabricação; a Atenua Som, com esquadrias 100% desmontáveis, recicláveis e que  ajudam a diminuir os gastos com climatização; e a Screenline cujas persianas e cortinas blackouts entre vidros contribuem para o atendimento à norma de desempenho de edificações, com melhora do conforto térmico, baixa manutenção e instalação sem resíduos. Veja a seguir um resumo do que foi apresentado na ilha.

Acital Isolamento Térmico e Acústico

A empresa de Blumenau, em parceria com a austríaca Getzner, apresentou as tecnologias em isolamento de vibrações provenientes do uso de piscinas situadas em coberturas (complexas, do ponto de vista de arquitetura e engenharia) e academias (com pisos flutuantes). As soluções abrangem isolamento de vibração para máquinas de elevadores (cargas pesadas que exigem propriedades elásticas e molas resistentes à fadiga), salas de geradores, motores de piscinas, desconexão entre escadas e o pavimento, além de mantas acústicas (resilientes e não soltam pó ou resíduos ) que trabalham para a redução de ruídos entre andares. Com quase 30 anos no mercado acústico para construção, a empresa fabrica portas para cinemas e estúdios, além de tablados para baterias de grupos musicais.

 

Acoustic Control - Fiberblock

A Acoustic Control apresentou o produto Fiberblock, lã de PET em forma de mantas para isolamento de ruídos, fabricadas com fibras de poliéster 100% provenientes da reciclagem de garrafas PET. Entre as aplicações, os visitantes conheceram o material no tratamento acústico de paineis drywall, para forros de gesso, metálicos ou de fibra mineral; coberturas, tratamento acústico de casas de máquinas, mitigadores de ruído, baffles, painéis decorativos e reforço de parede; os produtos estão voltados para atender as exigências do mercado na redução do ruído de impacto nos pisos.

 

Aliança Ambiental Acústica e Térmica

Com produtos personalizados para isolamento acústico para indústrias, empresas e residências, a Aliança Ambiental mostrou respostas para desafios acústicos com produtos como galpões, barreiras, túneis, cabines para máquinas, portas e portões, atenuadores e silenciosos hospitalares, escritórios, cortinas, venezianas e painéis. Além de isolação acústica de paredes, pisos e tetos, a empresa oferece serviços como projetos, laudos, mapa de ruído, marcenaria e desenvolvimento de produtos acústicos.

 

AMF Forros

A Knauf AMF desenvolve e fornece soluções inovadoras e sustentáveis em sistemas de forros modulares e revestimentos que proporcionam maior segurança, conforto e design aos ambientes. Instalados com perfis metálicos fabricados na Alemanha, com sistema modular, a empresa trouxe as várias opções de forros com placas produzidas em materiais metálicos, minerais, em madeira ou lã de rocha revestida em ambas as faces com véu laminado. Na visão da arquiteta Vivian Ribeiro, gerente de Desenvolvimento de Mercado, “a participação na ilha foi importante para dar visibilidade à marca junto aos representantes das regiões mais distantes dos grandes centros”.

 

Armacell Brasil

A Armacell aproveitou a oportunidade da ilha para lançar o FonoBlock Hidro, espuma elastomérica para reduzir ruídos em tubulações de água e esgoto. A nova linha foi desenvolvida para o mercado brasileiro depois de quatro anos de testes de fluência à compressão, rigidez dinâmica e redução de ruído de impacto. Não propaga chamas ou goteja quando em contato com o fogo e é de instalação rápida. Segundo Antonio Borsatti, a linha FonoBlock Hidro utiliza uma tecnologia de isolamento para tubulações de água e esgoto em lajes ou coberturas, “desenvolvida para o mercado brasileiro”. Composta de espuma elastomérica capaz de isolar tanto caixas sifonadas quanto tubos e conexões, reduz o incômodo ruído dentro do sistema hídrico ou sanitário. A Armacell trouxe ainda a manta acústica para atenuação de ruídos entre andares, a manta para proteção durante a obra e a manta térmica para telhados.

 

Armstrong Ceilings

O fabricante expôs as soluções de absorção e bloqueio de sons para sistemas residenciais, de teto, parede e suspensão. Em casa, no trabalho, em instalações de saúde, salas de aula, lojas ou restaurantes, a Armstrong trouxe as respostas que ajudam a melhorar o conforto, economizar tempo, melhorar a eficiência e o desempenho geral da edificação para criar layouts flexíveis. A empresa disponibiliza aos profissionais o software You Inspire, que permite aos usuários trabalharem especificações, desenhos e orçamentos durante a missão de amenizar ruídos excessivos, vozes altas e criar tranquilidade para pacientes e estudantes.

 

Atenua Som

Com a expertise em esquadrias acústicas desde 1987, a Atenua Som agregou ao estande da feira as linhas de produtos, como as portas e janelas termoacústicas em PVC. Além de conter um material isolante no combate aos dB perigosos, o sistema de perfis de multicâmaras internas com PVC oferece um desempenho acústico que pode reduzir até 30 dB de ruído, com resistência e durabilidade. Isso garante um ambiente confortável com baixa interferência de ruídos externos ou vizinhos barulhentos. A cabine acústica atraiu a atenção dos visitantes: um compartimento fechado demonstrou a experiência do conforto proporcionado pelas esquadrias onde, ao abrir e fechar a janela, a música que sai da cabine parece ter sido desligada como num passe de mágica.

 

Aubicon

A empresa apresentou soluções que unificam a tecnologia de mantas acústicas com a linha de revestimentos emborrachados para áreas internas e externas, sendo que a principal matéria-prima são os grânulos de pneus reciclados. Entre as atrações presentes na Ilha ProAcústica apareceram as soluções acústicas para espaços fitness (podem ser aplicadas sobre pisos cerâmicos), em obras de retrofit ou sistemas com laje zero; sistemas de pisos para ambientes corporativos que substituem carpetes ou pisos vinílicos; sistema de pisos para quadras esportivas, playgrounds ou academias e contrapisos flutuantes aditivados com microfibras. Grânulos pigmentados ou EPDM permitem paginações coloridas, além de desenhos e logomarcas customizadas. Para Alberto Safra, diretor da empresa, a presença na ilha agrega valor. “No passado, algumas empresas saíram da Feicon ou foram para outra feira, mas voltaram para estarem na ilha”.

 

EcoFiber (Altenburg)

Utilizadas como isolamentos térmicos e acústicos as mantas de fibra de poliester reciclada de garrafas PET da EcoFiber atendem às inúmeras aplicações no setor da construção civil. Aliados à preservação dos recursos naturais, os produtos da Altenburg, de Blumenau, podem ocupar vários pontos de uma edificação: painéis termoacústicos para forros modulares; mantas para redução de ruídos de impacto entre pavimentos e mantas para isolamento termoacústico para qualquer estrutura de telhado. Os painéis são usados para barrar a propagação de ruído de casa de máquinas e salas de cinema; no isolamento entre paredes para sistemas de gesso acartonado e no isolamento térmico para dutos de ar-condicionado. 

 

Eurocentro (ScreenLine)

A empresa, que atua sob licença da italiana Pellini, exibiu os sistemas de proteção solar para fachadas, compostos de persianas e blackouts entre vidros duplos insulados. A ScreenLine se especializou em projetos para o setor da saúde mas oferece aos ramos hoteleiro, corporativo e residencial. No sistema ScreenLine, uma persiana ou cortina blackout, colocada em uma câmara vedada entre dois vidros, funciona por sistema de acionamento manual ou motorizado. A esquadria não altera as propriedades de estanqueidade da câmara de vidro, já que a movimentação acontece por um sistema magnético, em um ambiente hermético, sem perfurações, o que garante absoluta proteção à sujeira, ao pó e aos agentes atmosféricos, sem a necessidade de qualquer tipo de manutenção ou limpeza.

 

Isover e Ecophon - Grupo Saint-Gobain

A Isover Saint-Gobain, com soluções para isolamento térmico e acústico, e a Ecophon, empresa que desenvolve produtos e sistemas acústicos, participaram em conjunto da ilha. A Isover atraiu a atenção com produtos como a linha Wallfelt 4+, uma lã de vidro desenvolvida para proporcionar isolamento térmico e acústico nos sistemas de drywall e light steel framing. A Ecophon revelou a família de nuvens acústicas Solo para projetos arquitetônicos sustentáveis. Fabricadas em lã de vidro de alta densidade, essas soluções trabalham pelo excelente apelo estético para tratamento acústico em ambientes comerciais e residenciais. Para Julie Bagur, gerente geral da Isover, “com a versatilidade dos produtos mostramos o quanto estamos alinhados para responder às recentes exigências do mercado”. A linha Decorsound trouxe painéis acústicos disponíveis em 16 cores, alinhando conforto e estética para variados ambientes. A empresa ainda exibiu os forros modulares e removíveis da empresa: a linha Forrovid Boreal, formada por produtos que trazem uma solução de acabamento para tetos em projetos que requerem melhoria do conforto termoacústico.

 

Junseal e Vibranihil

As empresas mostraram uma gama de soluções na área de controle ambiental de ruídos e vibrações, amortecedores (Vibranihil), atenuadores, painéis, espumas, borrachas, tecidos, sound baffles e mantas acústicas para contrapisos flutuantes (Junseal). A Vibranihil fornece uma linha de amortecedores ou isoladores de vibrações para instalação de sistemas de geração de energia, aquecimento, ventilação, ar-condicionado e salas de máquinas. A Junseal é especializada na fabricação de peças técnicas para isolamentos térmico e acústico e fabrica espumas, produtos para filtragens, vedações e amortecimento de telhas.

 

Lady Revestimentos

A Lady Revestimentos expôs soluções como o sistema Inovawall para conforto acústico, produtividade e isolação térmica em diversos tipos de ambientes. Os visitantes da ilha conheceram de perto o Inovawall Shapes, painéis auto-portantes com a função de melhorar o desempenho acústico dos espaços; os carpetes Solution Dyed, fabricados com fio 100% nylon, com baixo desgaste de fios e resistência à descoloração, ideal para áreas com alto tráfego de pessoas e que requerem limpeza constante; e os tecidos corporativos para revestimentos, com alta performance, em materiais como vinil e fibras naturais.

 

Multinova

A linha Build da fabricante levou as principais soluções em acústica para o mercado da construção civil, como as mantas para dutos que atua na redução de ruído na passagem de água pelas tubulações hidrossanitárias. O Multimpact e Multimpact Plus, fabricados com polietileno e polipropileno expandidos, melhoram o desempenho acústico no isolamento de piso, com o menor custo; o tubo Multihidro garante ambientes silenciosos e obedece a norma brasileira de desempenho; e a manta Multiterm, é uma solução para o isolamento térmico e acústico de qualquer tipo de telhado, residencial, comercial, industrial ou rural. O software Projetus, disponível no site, verifica as características das edificações e dá suporte para projetos segundo normas internacionais ou a 15575.

 

Owa Sonex

A Owa Sonex levou à Ilha ProAcústica produtos para a redução de ruído em variados ambientes, com resistência ao fogo e propriedades sustentáveis em diversas linhas arquitetônicas para forros e revestimentos acústicos. A linha Nexacustic apresentou lançamentos para forros e revestimentos: os painéis microperfurados, nuvens, frisos aleatórios e baffles de MDF ignífugo ou standard com acabamentos em melamina, laqueado ou folha de madeira; a linha de forros de fibras minerais brancas e biossolúveis compôs com o lançamento Creaprint. A linha Sonex veio com novas opções de painéis em formatos curvos e geométricos, o Sonex 3D com destaque para o Pyramid; e o forro mineral, OWAplan – primeiro forro acústico monolítico – chegou com o atributo de ter sido desenvolvido para oferecer conforto acústico e proteção ao fogo com design limpo e elegante. As placas acústicas incombustíveis Illtec chegaram à ilha com 18 padrões de cores. Os perfis metálicos da Owa empregam o sistema de encaixe clicado.

 

BR Urania PanUrania Group

Uma gama de painéis acústicos foi apresentada pela empresa na ilha. Os painéis PanUrania utilizam a lã de rocha como núcleo de absorção sonora. O material natural, poroso, compõe o produto, construído em fibra mineral, resultante da fusão da rocha, com uma fibra comprida que gera a diminuição do ruído. Entre as soluções da empresa está o painel de chapa de aço perfurada. Os painéis sanduíches têm diferentes tipos de perfuração e os orifícios na folha fornecem alto desempenho acústico atuando como um conjunto de ressoadores de Helmholtz, capazes de dissipar a energia acústica em calor por atrito viscoso que ocorre com as oscilações de ar. Além dos painéis sanduíches, a empresa apresentou soluções de absorção, lamelas, barreiras acústicas e painéis de telhados e produtos fono-isolantes e bi-absorventes.

 

Placo do Brasil - Grupo Saint-Gobain

Outra empresa do grupo Saint-Gobain, a Placo, desenvolve e produz soluções de qualidade para projetos arquitetônicos e construtivos. Levou para a Ilha ProAcústica várias soluções: as placas perfuradas para o sistema de forros removíveis acústicos, Gyptone Quattro 20, que compõem ambientes sofisticados; a Habito, com tecnologia ultrawall para vedações internas que responde às principais exigências dos ambientes residenciais novos ou em reformas; e a placa Phonique, um produto desenvolvido para paredes e forros em drywall com alto desempenho acústico.

 

Promaflex - Grupo Velletri

A empresa trouxe as soluções de isolamento térmico e acústico, como o Protelhado, uma manta em polietileno expandido laminada com alumínio em uma ou duas faces, que reduz a temperatura de ambientes em cerca de 50%. Outros produtos são a manta de papel para proteção de pisos (em casos de pinturas, arranhões); para mármores, esquadrias, vidros, bancadas e lajes. O Promalaje foi testado em laboratório como isolante acústico de alta performance. O lançamento do produto Xô Mofo, uma manta em espuma de polietileno laminada com filme de polietileno adesivo, aditivados com nano compósitos, para aplicação em superfícies suscetíveis à proliferação de fungos e bactérias, foi uma das atrações apesar de não ser um produto acústico.

 

 

Veja também

25

Versão piloto do Mapa de Ruído é lançado durante o Inad SP 2018

Versão piloto do Mapa de Ruído é lançado durante o Inad SP 2018

Disponível no Google Earth, a nova ferramenta de gestão urbana também ajuda na tomada de decisões como alugar um escritório ou uma casa. Desenvolvido pela ProAcústica, o mapa encontra-se em fase piloto, abrangendo uma área entre as avenidas Paulista, Brasil, 9 de Julho e 23 de Maio. Neste perímetro foi calculado o ruído de tráfego urbano no período diurno e noturno.

ProAcústica comemora crescimento de estandes na Ilha da Feicon Batimat 2018

ProAcústica comemora crescimento de estandes na Ilha da Feicon Batimat 2018

O que existe de mais avançado em inovações tecnológicas para soluções acústicas e de diminuição da vibração na indústria nacional e internacional, foi apresentado na Ilha ProAcústica, num total de 18 expositores que ocuparam 340 m2 do pavilhão.

Notícias

Andar na Paulista é como caminhar abraçado a um aspirador de pó ligado

Caminhar pela avenida Paulista numa tarde de dia útil é quase como andar por aí abraçado a um aspirador ligado. Em alguns momentos, esperar por um ônibus na mesma avenida equivale a estar sentado numa retroescavadeira em atividade.


Foi lançado, durante ação de conscientização, o Mapa de Ruído Urbano da cidade de São Paulo

Desenvolvido pela ProAcústica, em parceria com a Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento (SMUL), o mapa encontra-se em fase piloto, abrangendo uma área entre as avenidas Paulista, Brasil, 9 de Julho e 23 de Maio.


Agenda